Trabalhos 2021/2022

Escola EB1 Eurico Gonçalves (Lisboa)

Atividade:  Brigada da Cantina (1º escalão, 2º escalão ou 3º escalão)

Escalão: 1º escalão: jardins-de-infância e 1º ciclo do ensino básico

Aspetos analisados pela Brigada da Cantina:
A “Brigada da Cantina” funcionou no horário das 12h 30m às 13h no refeitório.
O Conselho Eco-Escolas decidiu que a periodicidade doas observações e registos, seria de duas vezes por semana, durante os meses de abril, maio e junho. Os alunos do 4º ano foram os elementos que regularmente, observaram os seus colegas do 1º e do 2º ano durante a sua passagem pelo refeitório na hora do almoço. Os aspetos analisados pela “Brigada do refeitório” foram os que constam da “grelha de registo”, documento que elaboramos no Conselho Eco-Escolas. Nomeadamente:
- Conhecer a composição da sopa e do prato principal, referindo as cores dos alimentos;
- Incentivar os alunos a comer toda a refeição, evitando os desperdícios;
- Incentivar à higiene das mãos antes de almoçarem;
- Alertar para o barulho e incentivar o bem-estar dos alunos;
- Verificar o estado dos materiais utilizados no refeitório e alertar para a necessidade de todos os preservarem;
- Dar a conhecer a alternativa da compostagem dos restos alimentares;
- Incentivar a separação dos resíduos.

Envolvimento dos alunos e distribuição de tarefas:
Os temas analisados pela “Brigada da Cantina” foram: a alimentação saudável, o comportamento, a separação de resíduos e a compostagem.
A tarefa da “Brigada da Cantina” esteve a cargo dos 24 alunos do 4º ano da turma da professora Ana Póvoa. Todos os alunos desta turma participaram a pares, o envolvimento dos alunos foi bom. A distribuição das tarefas e frequência de intervenção, foi realizada pelo Conselho Eco-Escolas, que elaborou uma tabela com os dias de deslocação ao refeitório, dois alunos de cada vez, para observarem e registarem. A divulgação à comunidade educativa foi feita pelos alunos e pelos professores nas salas de aula. São quase inexistentes os registos fotográficos porque o Conselho Eco-Escolas não solicitou aos encarregados de educação, autorização para os realizar.
A metodologia de monitorização escolhida foi o registo na grelha da “Brigada do Refeitório” elaborada pelo Conselho Eco-Escolas, para o efeito.

Divulgação à comunidade educativa:
A divulgação à comunidade educativa foi feita pelos alunos entre si, informalmente aos pais/ encarregados de educação e pelos professores nas salas de aula. A professora coordenadora Eco-Escolas divulgou junto do pessoal de assistência ao refeitório. São quase inexistentes os registos fotográficos porque o Conselho Eco-Escolas não solicitou aos encarregados de educação, autorização para os realizar.

Registo fotográfico da brigada em ação:

Anexos: