Trabalhos 2021/2022

Escola Secundária Carolina Michaëlis (Porto)

Atividade:  Os 10 Princípios da Dieta Mediterrânica (Cartaz: 1º escalão | Vídeo: 2º escalão ou 3º escalão)

Escalão: 3º escalão: ensino secundário, profissional e superior

Vídeo | 2º e 3º escalão

Vídeo:

Clique aqui para ver o vídeo na página do YouTube.

Memória Descritiva:
A execução do trabalho que agora apresentamos foi proposto pela professora Jacinta Moreira, Professora de Biologia e Coordenadora do Projeto Eco-Escolas. O referido trabalho foi realizado, em grupo, pelas alunas Beatriz Caldeira, Carolina Taveira e Inês Teixeira da turma CT1 do 12.º âmbito do Domínio “Produção de alimentos e sustentabilidade” das Aprendizagens Essenciais de Biologia em cruzamento com a temática "Alimentação Saudável e Sustentável" do Programa Eco-Escolas.
A escolha do desafio sobre os 10 princípios da dieta mediterrânica (ou mediterrânea) deveu-se ao interesse das alunas pela prática de uma alimentação saudável e sustentável e por querem realizar um trabalho original e cativante através de um formato em vídeo. Por outro lado, pretendemos trabalhar num tema diferente dos outros grupos e de nos testarmos na promoção de estratégias e modos de organização das tarefas que impliquem, pela nossa parte, o cumprimento de prazos e a concretização autónoma de trabalhos em formatos diferentes dos que habitualmente fazemos na escola.
Para a realização do projeto foi necessário pesquisar acerca da dieta mediterrânea (ver webgrafia) e dos seus 10 princípios, primeiramente, a partir do site do Pingo Doce na homenagem “Juliana” sugerido na página do Eco-Escolas na parte onde apresenta as informações referentes ao projeto (https://www.pingodoce.pt/responsabilidade/dieta-mediterranica/). Para além disto, foi usado como recurso o Youtube para descobrir diferentes modos de realizar vídeos e para conhecer vídeos e a usá-los como inspiração de modo a abordarmos o tema de forma inovadora.
A ideia de fazermos o vídeo em estilo de animação foi apresentada pela Beatriz. De acordo com a sua proposta, optou-se pelo desenho da história de cada princípio feito pelos próprios membros do grupo, seguida da escrita dos mesmos e por fim pela captura de fotografias dos desenhos. Foram necessárias bastantes fotografias para dar movimento às imagens e criar o vídeo. Portanto, para além dos laboratórios da escola autorizados pela professora para trabalhar nas horas em que estivessem livres, os materiais utilizados para a criação do vídeo incluem canetas de quadro pretas, quadros brancos escolares e telemóvel como equipamento de pesquisa e de fotografia.
Grande parte do trabalho foi partilhado por todos elementos do grupo, nomeadamente: a da pesquisa, a formulação de ideias para as histórias de cada princípio, a fotografia dos desenhos e a organização e formação do vídeo. Já perto da finalização do trabalho dividiram-se três tarefas que foram distribuídas pelas três pessoas do grupo: a animação dos desenhos foi atribuída à Beatriz, a introdução da música e a gravação do aúdio do vídeo, à Carolina e a criação do recurso multimédia usada para apresentar o trabalho à comunidade escolar bem como a redação da memória descritiva, à Inês.
Apesar de algumas dificuldades tais como a escolha da animação do vídeo, a realização dos desenhos, a paciência e minucia necessárias para montar um vídeo a partir de cerca de 500 fotografias, pensamos que o produto final resultou num trabalho original e além de tudo bem sucedido, tendo em conta que este cumpriu e até superou as expectativas iniciais do grupo!
O padrão alimentar da Dieta Mediterrânica é visto como o mais saudável e mais sustentável no mundo, por isso consideramos este desafio que nos foi proposto como mais que isso, como uma maneira de aprender mais sobre esta forma de alimentação e até mesmo de viver, típico da região do Mediterrânico, tão saudável tanto para nós como para o resto do planeta Terra.
Webgrafia
https://www.apn.org.pt/documentos/ebooks/Ebook_Dieta_Mediterranica.pdf (consultado de fevereiro a maio de 2022)
https://alimentacaosaudavel.dgs.pt/dieta-mediterranica/ (consultado de fevereiro a maio de 2022)
http://www.dietamediterranica.pt/?q=pt/node/1 (consultado de fevereiro a maio de 2022)
https://www.pingodoce.pt/responsabilidade/dieta-mediterranica/ (consultado de fevereiro a maio de 2022)